jmahfus@hotmail.com

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011


O governo da Suíça ordenou nesta sexta-feira o congelamento de bens do ex-ditador egípcio Hosni Mubarak e seus funcionários logo depois do anúncio da renúncia, informou o ministro de Relações Exteriores.
"O Conselho Federal (governo) decidiu congelar quaisquer bens do ex-presidente egípcio e de seus funcionários na Suíça com efeito imediato", disse o ministro em um comunicado.
Ele acrescentou que o congelamento tem como objetivo "prevenir qualquer risco de apropriação indevida" de ativos do Estado egípcio. De acordo com o porta-voz do ministério suíço de Relações Exteriores Lars Knuchel, o bloqueio entra em vigor imediatamente nesta sexta-feira.

Nenhum comentário: