jmahfus@hotmail.com

sexta-feira, 29 de julho de 2011

MORRE EDUARDO MINSSEN


O engenheiro florestal Eduardo Minssen faleceu nesta sexta-feira, por volta de 17h, em sua residência, no Bairro Rio Branco, vítima de um infarto fulminante. Minssen estava em seu escritório, que fica em casa, conversando com sua esposa Jane, quando sentiu um forte dor no peito.

O filho Felipe, de 19 anos, foi o primeiro a chegar e começar a reanimar o pai. A Samu foi acionada mas ele faleceu ainda durante o atendimento. Personalidade conhecida da cidade, Minssen fez fama como um colunista ácido e criativo durante vários anos nas páginas do Jornal do Povo. Ele morreu aos 52 anos.

Minssen foi presidente do Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente (Comdema), da Oscip Defender e secretário municipal do Interior no Governo Marlon Santos. Ultimamente, exercia o cargo de leiloeiro oficial.

Seu próximo trabalho nessa área seria um leilão de bens inservíveis da Prefeitura agendado para o mês de agosto. Minssen também mantinha um blog no site do Jornal do Povo. O último post foi dia 22, sexta-feira passada.

O corpo está sendo velado na capela da Funerária Madre Teresa, na Rua Ivo Becker, e o sepultado será neste sábado, às 16h, no Cemitério Municipal. Os serviços fúnebres estão sendo prestados pela Funerária Madre Teresa.

segunda-feira, 25 de julho de 2011

COLUNA DE HOJE NO JORNAL DO POVO

Vem, UFSM!
O reitor da UFSM foi muito comedido em sua visita à nossa cidade. Frustrou alguns dos presentes. No entanto, a liturgia do cargo o obriga a agir dessa forma. Mas o importante agora é focarmos o conselho universitário. Lá temos professores, servidores e alunos. Minha experiência como pró-reitor e de reitor em exercício nesse tipo de conselho me ensinou que ali não existe pressão. Existe compromisso dos conselheiros com a sua base. Não gostam de políticos e de gente estranha ao meio. Assim como não toleram ameaças e muito menos pressão. As decisões são quase que absolutamente técnicas. Dado o sinal verde em Brasília, estará na hora da comissão criar um grupo que possa conversar com cada um dos conselheiros, tecnicamente. Não podemos esquecer que nosso projeto retira de Santa Maria perto de R$ 50 milhões. Eles querem isso? Interessa a eles uma extensão? É bom para quem? Essas são perguntas que teremos que saber responder. A posição do reitor, favorável ao projeto, sempre é bem-vinda, mas não é essencial, porque lá dentro, por certo, existe oposição a ele. Portanto, daqui uns dias será fundamental a atenção, pois qualquer passo em falso poderá colocar por terra o projeto. A partir de agora, mais do que nunca, o Juca Dias passa a ser peça-chave. E esperamos que o Tarso na sua visita, em agosto, já possa anunciar alguma coisa para nós.

Sociedade civil
Me desculpem as entidades empresariais e o Rotary, mas eles não representam a totalidade da sociedade. Podem até ter pensamentos coincidentes. (In)Feliz-mente, quem tem legitimidade é a Câmara de Vereadores, composta por pessoas que foram votadas para aquele fim.

Aliás...
...As discussões envolvendo a água e o número de vereadores têm certa similitude com o que pode acontecer em relação à UFSM. Não adianta pressão e mobilização apenas. É fundamental convencimento. Naqueles dois casos isso não foi feito.

Amy Winehouse
Sem dúvida alguma, a melhor cantora de sua geração. Sua morte lhe abre as portas da história. E que seu péssimo exemplo de comportamento sirva de reflexão para aqueles que fazem da sua vida uma droga!

Educação
Não existe política educacional decente que não passe pela remuneração adequada do professor. Mas nossa luta precisa deixar de ser meramente sindical para ser institucional. Professor tem que ser uma carreira de Estado. Só assim será devidamente valorizado.

Figueiró
O anúncio de sua candidatura já foi pauta aqui da coluna. Portanto, nenhuma surpresa para mim. No tabuleiro, no entanto, significa retirar do PP, que ainda não tem candidato, o apoio automático do PSDB e do DEM, em razão da proximidade dos três vereadores, e rechaça, de vez, qualquer aliança com o PT. É, sem dúvida, um excelente político, decente e com capacidade. Qualifica, certamente, o processo eleitoral.

Surrealismo
Com o anúncio de Obama que os EUA darão calote na dívida, como ficamos agora que somos credores? Apoiaremos uma intervenção do FMI? Quem é que me responde?

Praça da Juventude
O Ferrony é um batalhador e tem, na Coordenadoria da Juventude, se empenhado em muitos projetos, embora a escassez de recursos. O projeto da Praça da Juventude, lá na Funcap, é um deles. E parece que irá sair do papel, através de uma articulação política nova. Vamos torcer que dê certo.

Porto
Existe uma lista de 15 empresas interessadas em se instalar junto ao Porto de Cachoeira do Sul. Se todas viessem, teríamos a geração de quase 500 empregos diretos. Em razão disso, GG e Tonet se empenham tanto nesse assunto, e com a mais absoluta razão.

Contrato da Corsan
Seria interessante incluirmos no contrato uma política séria de drenagem urbana para a cidade. Com o asfalto e o calçamento das vias, as enxurradas estão aí, em todos os lugares. Evitam-se, assim, as calamidades.

sábado, 23 de julho de 2011

AMY WINEHOUSE MORRE AOS 27 ANOS


Sem dúvida a melhor cantora do início deste século, a cantora Amy Winehouse foi encontrada morta em sua casa, em Londres, neste sábado (23), segundo a polícia de Polícia Metropolitana de Londres. A cantora tinha 27 anos e um histórico de envolvimento com álcool e uso de drogas.

Um porta-voz da polícia confirmou que ela foi encontrada morta na sua residência no bairro de Camden e que o motivo da morte ainda não foi esclarecido.

A cantora vinha enfrentando uma longa batalha contra as drogas e o álcool que estavam ofuscando sua carreira nos últimos anos. Um dos seus principais hits, "Rehab", falava sobre suas constantes idas às clínicas de reabilitação.

A cantora chegou a se apresentar em turnê pelo Brasil em janeiro deste ano, com shows em Florianópolis, Rio de Janeiro, Recife e São Paulo.

No mês passado, a cantora britânica abandonou uma turnê pela Europa após ter sido vaiada durante show na Sérvia por aparentemente estar bêbada demais durante a performance.

Durante 90 minutos, Amy balbuciou partes de suas canções e deixou o palco várias vezes, enquanto a banda continuava o show.

Socorro acionado
De acordo com a polícia de Londres, uma ambulância do Serviço de Emergência foi chamada, mas segundo a polícia, já teria encontrado a cantora morta.

"A polícia foi chamada pelo serviço de emergência de Londres para o endereço na Camden Square pouco depois das 16h05 de hoje [horário local], sábado, 23 de julho, seguindo relatos de que uma mulher foi achada desacordada", diz a nota divulgada pela Polícia Metropolitana de Londres.

Segundo o texto, a cantora foi declarada morta ainda no local. "As investigações sobre as circunstâncias da morte continuam. Neste estágio inicial, ela está sendo tratada como não esclarecida."

Sucesso e prêmios Grammy
Winehouse foi aclamada pela crítica já aos 20 anos, com o lançamento de seu primeiro álbum, "Frank". Em 2006, o lançamento de "Back to black" consagrou a cantora. O disco foi vencedor de cinco prêmios Grammy.

Em nota divulgada nesta tarde, a Universal, gravadora da cantora, afirmou estar profundamente trsite com a perda repentina de uma "música talentosa, cantora e performer". "Nossas orações vão para a família de Amy, amigos e fãs neste momento difícil", finalizou o texto.

segunda-feira, 18 de julho de 2011

COLUNA DE SEGUNDA NO JORNAL DO POVO

Escrevi e assino embaixo

O mérito da mobilização popular pela UFSM é de muitos. É do GG, é da comissão pró-UFSM. Mas, é sim, em especial, da Mariana Carlos. Foi ela quem agregou os jovens ao processo ou visitando escolas ou movimentando as redes sociais. E isso ninguém tira dela. Muito embora a inveja de alguns correligionários seus e de muitos outros que simplesmente não acreditaram que seria possível mobilizar tanta gente. O que eu mais gostei, no entanto, foi que em nenhum momento ela se valeu da oportunidade para capitalizar-se partidariamente ou politicamente. Pelo contrário, democratizou o espaço e oportunizou que novas lideranças surgissem como as que eu nomeio em outro tópico. É isso que faz dela uma liderança em ascensão. Sem ranços e sem rótulos. Ela em nenhum momento constrangeu-se com as críticas ou com ódio destilado. Fez desta tarefa a sua missão. Por isso o sucesso da empreitada. De minha parte, obrigado, Mariana, pelo teu denodo e por dedicar todos esses dias para a consecução de um sonho que acalentamos há tanto tempo.

Passeata
Foi linda a passeata. Estão todos de parabéns. Mas aqui temos que ressaltar, também, o trabalho da Andréa Soares, da Luciana Canto, Maycon Douglas, Emanuelly Vargas e Mário Santos. Fizeram a diferença.

Caspani
A presença do Dr. Julio César Caspani na mobilização pela UFSM demonstrou o desprendimento que caracteriza os verdadeiros líderes. Uma lição para os jovens e um orgulho para todos os cachoeirenses.

Uma pergunta
Se a UFSM não vier, a culpa será da Dilma? Sim? Então se ela vier, os méritos serão dela e do PT, PSB e PCdoB? Exatamente isso que traduz as questões levantadas. Culpa de um, mérito apenas de um. Nada de ônus individual e bônus coletivo.

Caps AD
1. O meu colega Armando Fialho Fagundes por muito tempo lutou para que tivéssemos um Caps em nossa cidade. GG, junto com a Eunice Brendler, que é grande surpresa positiva do governo GG, colocou em prática essa demanda.
2. Na sexta, em audiência pública comandada por Miriam Marroni, Marlon Santos e Zilá Breitenbach, rasgaram-se em elogios à política de prevenção que a nossa cidade possui. Como cachoeirenses devemos ter orgulho de termos aqui o que muitas cidades sonham em possuir. Está aí um gol que GG precisa aprender a comemorar, ainda mais se a emenda do JOG vingar.

A Água é Nossa
Parece que o tuitaço, as colunas e os debates públicos como um todo fizeram com que as lideranças locais percebessem o quão nefasto seria entregarmos a distribuição de água à iniciativa privada, pura e simplesmente. Agora a maioria defende o controle público ou pela Corsan ou pelo Município.

Área do porto
Ronaldo Tonet vai entregar para Beto Albuquerque um pedido para que seja assinada o quanto antes a cessão de uso do porto de Cachoeira do Sul da União para o Estado. Há 12 empresas aguardando espaço na área. A demora prejudica muito o desenvolvimento de Cachoeira. Um empreendimento industrial leva, no mínimo, ano e meio para começar a operar. Cada dia perdido significa menos progresso para a cidade.

Apês populares
Foi lindo ver a emoção das pessoas contempladas. Ginásio lotado e as pessoas aplaudindo aqueles que foram contemplados. Um belo exemplo de cidadania. Está de parabéns a Stas, a sua equipe, o governo federal e o empresário Carlos Nazário, que empreendeu o projeto.

A crise no PR
Se Hideraldo Caron cair em razão das denúncias feitas pelo PR, a relação entre os dois partidos irá azedar ainda mais em Brasília, mas principalmente no RS. Isso inclusive poderá trazer implicações no processo de nomeação de Oscar Sartório (PR) para cargo junto ao governo do RS.

Mensalão
Ouvi lá nos corredores do STF que parte da corte entende que o crime de formação de quadrilha será declarado prescrito, eis que o prazo é de oito anos. Vai dar pano para manga.

terça-feira, 12 de julho de 2011

A COLUNA DE ONTEM

Fazia muito tempo que não recebia tantos elogios e de pessoas tão qualificadas, por uma coluna, como a de ontem.
Mas quando se agrada alguns, desagradam-se muitos. Foram dezenas de mails criticando-me, em razão de dizer que algumas discussões são um tanto desideologizadas, propositalmente.
Escrever tem ônus e bônus. Mas sempre o primeiro é vencedor.Ossos do ofício.

segunda-feira, 11 de julho de 2011

COLLUNA DE SEGUNDA NO JORNAL DO POVO

Escrevi e assino embaixo

O debate sobre a água calcado apenas na tarifa e a questão relativa ao número de vereadores em razão de seu custo são desqualificados, mas não de maneira proposital. Essa é uma característica dessa nova sociedade em que vivemos, desideologizada superficialmente no intuito de se hegemonizar um discurso acerca da dita eficiência, mas que por trás busca implantar um capitalismo autocrático. Cada vez que despolitizamos a economia, trabalhamos com mais afinco na construção desse novo discurso, que é individual em sua concepção, mas serve para atender interesses dos grandes grupos. A quem quiser entender um pouco dessa temática recomendo a leitura de Slavoj Zizek, que defende a teoria de que a despolitização serve para que se tenha um capitalismo autoritário, como tivemos no Brasil durante a ditadura militar ou como se tem hoje na China. Vejam que aqueles que defendem a redução de vereadores discursam em prol da redução dos custos, mas no fundo o que pregam, mesmo sem se darem conta, é o aniquilamento de um espaço de discussão social. O mesmo se dá na questão envolvendo a água, por aqueles que defendem a sua privatização: a tarifa da Corsan é cara. E assim, através dessa compreensão simplificada, serve como uma espécie de “laranja” para aqueles que buscam auferir lucros com o alimento da humanidade. O discurso desideologizado é cínico, e muitos sequer se apercebem disso. E a nossa esquerda, cada vez mais capenga, menos intelectualizada, tem servido de instrumento de legitimação para a farsa propagada.

Lombadas
Fico impressionado que se perca tempo discutindo, dentro da Prefeitura, sobre colocar lombadas físicas no lugar das eletrônicas. De novo, o discurso do custo. Daqui a alguns dias deverá aparecer um gaiato defendendo o retorno das máquinas datilográficas para se economizar com internet e cartuchos.

Tragédia anunciada
Sábado pela manhã, por muito pouco uma criança não é atropelada na Pinheiro Machado, esquina com Aníbal Loureiro. Foi o tempo de puxá-la. Vou escrever pela terceira e última vez, agora implorando para que coloquem faixas de segurança nas esquinas dessa via antes que uma morte aconteça, pois a velocidade com que os carros por ali passam é absurda.

O vaivém de GG
Se a hesitação do nosso prefeito acontecesse na iniciativa privada, certamente teria perdido o emprego há muito tempo. Vejo isso como um despreparo para a tomada de decisões e uma total falta de convicção em seus atos. Esse, sim, é um bom tema para a nossa sociedade discutir: qual o custo dessas indecisões? Quanto a mais custará, para a cidade, a desapropriação da antiga sede do Cachoeira, por exemplo?

A seleção do Mano ou “dus manus”?
Fazia muito tempo que não via uma seleção tão ruim como a nossa. Recheada de “marrentos”, nada mais é do que um amontoado de jogadores pensando em dinheiro e negócios. Aliás, nesse caso, certo estava o Dunga em não ter levado eles para a Copa do Mundo.

Trânsito
O trânsito em nossa cidade está, a cada dia que passa, mais caótico em determinados horários. Mais e mais veículos circulam por aqui. O que se tem feito? Nada. Sequer implantar um rotativo decente se conseguiu. Seria sonho pensar em ciclovias se sequer consegue-se colocar faixas de segurança. Mas pensar e sugerir é preciso.

Pista de
skate e bike
Ano que vem aparecerão candidatos defendo políticas para a juventude. Até aqui, os que se apresentam já ocupam cargos, mas nada vejo. Já que ninguém reclama, reclamo eu. Será que o Município não possui alguns trocados para colocar uma iluminação e equipamentos de segurança na pista da José Bonifácio? Vergonha!

sexta-feira, 8 de julho de 2011

CONTINUA SUSPENSA A LICITAÇÃO DA ÁGUA EM SANTA CRUZ DO SUL

O Pleno do Tribunal de Contas do Estado (TCE) manteve suspensa a licitação para contratação de serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário em Santa Cruz do Sul. A medida cautelar foi concedida pelo auditor substituto de conselheiro, Cesar Santolim, no dia 23 de fevereiro devido a possível restrição competitória causada pelos índices de liquidez e endividamento injustificáveis e deficiência do projeto básico. O referendo da cautelar foi postergado devido a recurso contra decisão do relator através de um agravo regimental e das sessões plenárias realizadas no interior do Estado. O presidente em exercício do TCE, conselheiro Cezar Miola determinou prioridade na conclusão da inspeção especial em andamento. As informações são do portal do Tribunal de Contas do RS.

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Tabloide é fechado após 168 anos de história, no Reino Unido

Leia íntegra do discurso do vice-diretor de operações da NewsCorporation, James Murdoch, à equipe do jornal:

"Tenho coisas importantes a dizer sobre o 'News of the World' e as medidas que estamos tomando para resolver os sérios problemas que ocorreram.
É justo que vocês, nossos colegas na News International, sejam os primeiros a ouvir o que tenho a dizer, e ouvirão diretamente de mim.

Não é preciso dizer que o 'News of the World' tem 168 anos. Que é mais lido que qualquer outro jornal em inglês. Que desfrutava do apoio dos maiores anunciantes britânicos. E que tem um histórico louvável de combate ao crime, expondo delitos e frequentemente estabelecendo a agenda noticiosa do país.
Quando digo às pessoas que me orgulho de ser parte da News Corporation, digo que nosso compromisso para com o jornalismo e uma imprensa livre é uma das coisas que nos distingue. O trabalho de vocês merece crédito por isso.

Mas as boas coisas que o 'News of the World" faz foram maculadas por comportamento indevido. De fato, se as recentes alegações procedem, foi um comportamento desumano e que não tem lugar em nossa companhia.
O negócio do "News of the World" é chamar os outros à responsabilidade. Mas o jornal não foi capaz de fazê-lo quanto a ele mesmo.

Em 2006, a polícia concentrou suas investigações em dois homens. Os dois terminaram na prisão. Mas o "News of the World" e a News International falharam em deslindar os repetidos delitos que ocorriam, sem consciência ou propósito legítimo.

Malfeitores fizeram de uma boa redação uma má redação, e isso não foi devidamente compreendido ou esclarecido de forma adequada.

Como resultado, o "News of the World" e a News International sustentaram que os problemas se referiam a um único repórter.
Agora, fornecemos voluntariamente à polícia indícios que, em minha opinião, provarão que isso não era verdade, e aqueles que agiram de modo errôneo terão de enfrentar as consequências.

Mas essa não foi a única falha.

O jornal fez declarações ao Parlamento sem dispor de todos os fatos. Isso foi um erro.

A companhia pagou por acordos extrajudiciais autorizados por mim. Sei que eu não conhecia o quadro completo quando o fiz. Isso foi um erro, e é causa de sério arrependimento.

No momento, existem duas grandes investigações policiais em curso. Estamos cooperando ativamente com ambas. Vocês sabem que foi a News International que apresentou voluntariamente provas que levaram ao estabelecimento da Operação Weeting e da Operação Elveden. Essa cooperação total continuará até que a polícia conclua seu trabalho.

Também admitimos nossa responsabilidade em processos civis. Já fechamos acordos para diversos casos importantes e estabelecemos um fundo de indenização, sob o qual os casos serão adjudicados por Sir Charles Gray, antigo juiz da Alta Corte. Pedir desculpas e tentar corrigir nossos erros é a coisa certa a fazer.

Dentro da companhia, estabelecemos um Comitê de Gestão e Padrões que está trabalhando quanto a essas questões e contratou a Olswang para examinar passados erros e recomendar sistemas e práticas que com o tempo possam se tornar um padrão para o setor. Assumimos o compromisso de publicar os termos de referência da Olswang e suas futuras recomendações de maneira aberta e transparente.

Recebemos de forma positiva a ampla investigação pública sobre os padrões da imprensa e as práticas da polícia, e cooperaremos plenamente com ela.

Assim, da mesma forma que eu reconheço os erros que cometemos, espero que vocês e todas as pessoas de dentro e de fora da companhia reconheçam que estamos fazendo o máximo para corrigi-los, purgá-los e garantir que jamais voltem a acontecer.

Tendo consultado alguns de meus colegas mais importantes, decidi que deveríamos tomar uma nova e decisiva medida com relação ao jornal.

A edição deste domingo será a última do "News of the World". Colin Myer responderá pela edição final do jornal.

Além disso, decidi que toda a receita do "News of the World" neste final de semana será doada a boas causas.

Embora talvez jamais possamos compensar os problemas que foram causados, a coisa certa é que cada centavo da receita de circulação recebida no final da semana vá para organizações -muitas das quais nossas amigas e parceiras de longa data- que melhoram a vida no Reino Unido e se dedicam a tratar os outros com dignidade.

Não veicularemos publicidade neste final de semana. O espaço publicitário da edição final será doado a causas e organizações de caridade que desejem mostrar seu trabalho aos nossos milhões de leitores.

São medidas fortes. Estão sendo tomadas com humildade e por respeito. Estou convicto de que são a coisa certa a fazer.

Muitos, se não a maioria, de vocês são novos na companhia ou não tiveram conexão com o "News of the World" nos anos em que esses eventos desprezíveis ocorreram. Compreendo até que ponto essas decisões podem parecer injustas. Especialmente para os colegas que deixarão a companhia. É claro que comunicaremos os próximos passos de forma detalhada e iniciaremos as consultas devidas.

Vocês talvez vejam essas mudanças como o preço que os funcionários leais do "News of the World" estão pagando por erros alheios. Portanto, por favor atentem à minha declaração de que o seu bom trabalho é um crédito para o jornalismo. Não desejo que a legitimidade do que vocês fazem seja comprometida por atos alheios. Quero que todo o jornalismo da News International esteja acima de qualquer crítica. Insisto em que esta organização viva à altura dos padrões de comportamento que esperamos de terceiros. E por fim, quero que vocês saibam que é essencial que a integridade de todos os jornalistas que jogaram de acordo com as regras seja restaurada.

Obrigado a todos".

terça-feira, 5 de julho de 2011

ANTONIO AUGUSTO


Fiquei muito feliz em receber o convite para participar da solenidade que concede o título de cidadão emérito da cidade de porto alegre, ao colega Antonio Augusto Mayer dos Santos, um dos maiores especialistas em direito eleitoral desse país.

COLUNA DE SEGUNDA NO JORNAL DO POVO

AGUA NÃO É MERCADORIA
Comparar água com telefone ou energia elétrica, é de um desconhecimento monstruoso. Água é fonte de vida. Não vivemos sem ela. Nunca. Só a vida na terra porque existe água. Não podemos querer transformá-la em uma mercadoria. Mas é exatamente isso que faremos, quando entregarmos a sua exploração e distribuição, a iniciativa privada.

TUITAÇO DA ÁGUA
A luta pelo controle da água pública, que aqui no JP, ao menos publicamente, conta com esse escriba e com o Leandro Cruz, colunista de domingo, como participantes do movimento, estourou o twitter na sexta. A participação dos jovens cachoeirenses foi maciça e contou também com o entusiasmo do PT, capitaneado pela Mariana Carlos, pelo PR com o Oscar Sartório e do PV, com o Eduardo Willig, que deram RT em inúmeras mensagens.

PREÇO DA ÁGUA
Iludem-se aqueles que defendem a “privatização”, pensando apenas na tarifa de água. A partir do controle privado e a água se tornando uma commoditye ( preço internacional), não serão os caboclos aqui que determinarão o seu preço e sim o mercado. Ou acham que cláusulas contratuais garantirão os preços?

VOCE SABIA QUE...
• Em 2025, cerca de 3 bilhões de pessoas viverão em países com conflito por falta de água.
• Apenas 1% da água da Terra pode ser utilizada para o uso e consumo humano. Desde 1950 o uso da água triplicou no mundo.
• A água potável salva mais vidas que todas as instituições médicas do mundo: segundo a ONU, a água contaminada causa 80% das doenças do planeta.
• Pelas bacias do Amazonas, Orinoco, São Francisco, Paraná, Paraguai e Magdalena corre 30% da água superficial da Terra.
VÍGILIA DO CANTO GAÚCHO
Não entendo a antipatia de alguns segmentos do governo municipal em relação ao nativismo. Faz-se uma polêmica com os carnavalescos, desnecessariamente. Desde o início de seu governo, procuraram rivalizar o carnaval com a vigília. Manifestações culturais precisam ser apoiadas pelos governos. E aí não se fala em custo e sim em investimento. Errou feio o GG.
MAIS UM ESCÂNDALO EM BRASÍLIA
Está com as horas contadas o ministro dos transportes, Alfredo Nascimento, depois da publicização do escândalo sobre o superfaturamento das obras rodoviárias e ferroviárias. Na verdade, é mais um ministro de Lula que cai diante do fogo amigo de Dilma. E ainda tem mais.
JULINHO CAMARGO
Grêmio resolveu apostar em um treinador jovem, para ocupar o lugar do ídolo Renato, que foi “saído” do clube pelo Presidente Paulo Odone. O novo treinador conhece futebol, mas precisará do amparo da direção de futebol, para colocar a casa em ordem e mexer com alguns “imexíveis”. Vamos torcer que dê certo.
ITAMAR FRANCO
Foi um político polêmico. Quase um Jânio Quadros. Foi pai do Real porque teve a inteligência de não prejudicar o plano montado por FHC e seus assessores. A sua grande qualidade e o seu legado maior, foi a sua honradez. Político decente e honesto. Perdemos, antes de tudo, um exemplo.
OPERAÇÃO PÃO DE AÇUCAR
Votei na Dilma e isso é público. Gosto de seu jeito de durona e de gestora pública. Agora se permitir que o BNDES patrocine a criação de um oligopólio no setor atacadista, retirarei todos os elogios. Claro que ela pouco se importa com isso. Mas eu me importo.
CASO STRAUSS-KHAN
Eis aí mais um grande motivo para termos muito cuidado com o Estado-Policial e a mídia sensacionalista. Acusado de estuprador, perdeu um dos mais importantes cargos do mundo, foi preso e só saiu depois de pagar uma fiança bilionária. Só agora, no entanto, meses depois, descobre-se que a acusadora não era um anjo inocente. E quem vai pagar por todo o estrago na imagem pública desse senhor?
JUVENTUDE
É bonito ver as rebeliões assolando os países e sendo liderados por nossos jovens. No Brasil, começamos timidamente com as marchas e os tuitaços. Está mais do que na hora de nossos governantes, perceberem que é preciso dar mais atenção aqueles que querem fazer acontecer. E não é prometendo escolas, ou parques esportivos que calarão a nossa juventude.

sexta-feira, 1 de julho de 2011

TUITAÇO EM FAVOR DA #AGUAPUBLICA

Um movimento está sendo organizado na internet, através do Twitter, para a manifestação a favor da água pública. A mobilização acontece nesta sexta-feira (01/7) e para participar basTa adicionar a hashtag #aguapublica em seus tweets. No blog http://defesadaguapublica.wordpress.com/ você encontra mais informações sobre como participar. Abaixo, a íntegra do manifesto publicado no blog:
Participe conosco do Twittaço e manifeste-se a favor da #aguapublica. Insira a hashtag no seu Twitter neste dia 01 de julho.
Acreditamos que a discussão em torno do modelo de gestão que queremos para o tratamento de água e esgoto precisa ser realizada de forma responsável. A população e os poderes concedentes precisam analisar profundamente a realidade do saneamento no Brasil e não comprar argumentos fáceis e soluções milagrosas para o setor.

O mundo caminha em direção ao saneamento público. Paris e Itália são os últimos exemplos de localidades que rechaçaram a gestão privada. Quando tratamos de um monopólio natural é muito perigoso pensar um lucro, objetivo número um das privatizações.

Atualmente municípios do Rio Grande do Sul correm o risco de ter o saneamento privatizado, e ainda ver seu patrimônio entregue à iniciativa privada sem que seja paga a devida indenização. Na gestão pública do saneamento temos um único número que nos orienta, aquele que quantifica as pessoas beneficiadas e não aquele que apontará um lucro no balanço de final de ano de uma empresa.

Nosso Estado não pode andar na contramão, por isso convidamos a todos a participarem do TWITTAÇO EM DEFESA DA ÁGUA PÚBLICA. No dia 01 de julho, sexta-feira, das 12h, às 14h inclua no seu Twitter, a hashtag #aguapublica e manifeste-se contra a privatização da água.

Sugestões de frases para colar no seu twitter:

A água não é um bem privatizável, participe do Twittaço. A favor da #aguapublica.

A água é um direito de todos os gaúchos. Participe do twittaço a favor da #aguapublica.

Eu defendo também o manifesto contra a privatização da água. Sou a favor da #aguapublica.

Não quero privatizar o que é de todo mundo. Sou a favor da #aguapublica.

Sou contra a privatização da água, o nosso bem mais vital. #aguapublica.

Nossa água é de interesse público, não de mercado. Sou a favor da #aguapublica.

Eu defendo o interesse público. Sou contra a privatização da água. Quero #aguapublica.

A água é um direito do cidadão gaúcho, não é mercadoria. Sou a favor da #aguapublica.

A água é um direito humano. Por isso, sou a favor da #aguapublica.

Participe do nosso panelaço virtual contra a privatização da água. Ela é publica e é nossa. #aguapublica.