jmahfus@hotmail.com

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

CACHOEIRA-RIO PARDO

A estrada não vai sair? Simples, só sairá quando interessar Santa Cruz do Sul. De quem é a culpa? Dos políticos locais, que só posaram para fotos e nada fizeram para pressionar.

Agora é facil culpar Tarso e Beto. São culpados? Claro que sim...Mas onde andam nossos políticos?

OLIMPIADAS 2016

Henrique Meirelles, que comandou o Banco Central nos oito anos dos dois mandatos do governo Lula, é o nome escolhido pela presidente Dilma Rousseff para assumir a Autoridade Pública Olímpica (APO). O órgão vai coordenar todos os investimentos para a realização dos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro.

O Estado apurou ontem junto a fontes do Planalto que a decisão de escolher Meirelles para o comando da APO está tomada, mas que a presidente Dilma ainda vai se reunir com o ex-presidente do BC antes de publicar sua nomeação no Diário Oficial da União (DOU). A volta de Meirelles ao governo do PT cumpre a promessa feita por Lula em meados do ano passado, quando o então presidente do BC, depois de se filiar ao PMDB, planejou candidatar-se ao governo de Goiás ou ao Senado.

MP E PLANETA ATLÂNTIDA

Na última quinta-feira, 27, estiveram reunidos na Promotoria de Capão da Canoa a representante do Grupo RBS, advogada Sylvia Bezerra Gomes, a presidente do inquérito civil relativo ao Planeta Atlântida, promotora Roberta Morillos Teixeira, a promotora Anelise Grehs Stifelman e a coordenadora do Centro de Apoio Operacional da Infância e da Juventude, Maria Ignez Franco Santos, para debater como será feita a fiscalização do Planeta Atlântida 2011.

Durante a reunião, ficou estabelecida a colocação de catracas divididas por idades, na entrada do evento, separando os menores de 18 anos dos maiores, que receberão uma pulseira de identificação. Não será admitido o ingresso de pessoas alcoolizadas a ponto de colocar em risco a coletividade e será exigida a apresentação de documento que comprove a idade.

ADÃO VILLAVERDE

Conheci o deputado na faculdade de Engenharia da PUC-RS, quando ele, ainda jovem, foi meu professor. A época já se destacava na política e presidia o diretório municipal do PT.

Enfrentou gravíssimos problemas de saúde e se recuperou plenamente.

Eleito deputado, sempre se pautou por ser um homem justo e contundente em suas críticas.

Assume a Presidência da Assembléia, e certamente será responsável por uma gestão austera e de grande colaboração com o governador Tarso Genro.

NOVOS DEPUTADOS

Serão empossados os 55 deputados estaduais eleitos e reeleitos no pleito de 2010, às 14h, no Plenário da Assembleia Legislativa, nesta segunda-feira. Os parlamentares irão atuar na legislatura até 2014.

O governador Tarso Genro (PT), que cogitou se ausentar da solenidade para acompanhar a presidente Dilma Rousseff (PT) em agenda na Argentina, prestigiará o ato e discursará diante de um Parlamento reconfigurado. A nova composição das bancadas garante ao petista o apoio de 32 deputados de seis diferentes partidos: PT, PSB, PC do B, PDT, PTB e PRB.

PROBLEMAS NA SAÚDE

Usuários do serviço estão reclamando que exames, como eletrocardiograma, só estão sendo marcados para março.

O QUE ESTÁ EM JOGO NO CAIRO?

DO SITE CARTA MAIOR

Egito é uma das mais importantes peças do xadrez geopolítico do Oriente Médio. Signatário desde 1979 de um acordo de paz com Israel, patrocinou ensaios de aproximação entre Israel e Síria e participou ativamente de negociações entre israelenses e palestinos.Numa região dominada pelo sentimento anti-EUA, Mubarak tem sido útil na contenção dos radicais islâmicos - principais alvos da guerra contra o terror da Casa Branca. O Egito, de população árabe majoritariamente muçulmana sunita, é ainda um ator importante para limitar a influência do Irã, persa e xiita, na região do Golfo Pérsico.Embora a produção egípcia de petróleo não seja grande, o país se tornou um exportador considerável de gas natural... a maioria do gás do Egito é transportada na forma de gás liquefeito supercondensado em navios-tanques aos EUA e à Ásia. ( Estadão, Wall Street Journal, Valor, 31/01)

EGITO

A "revolução" que acontece no Egito, é uam reação das novas mídias sociais, como o facebook e o twitter. Por mais que haja censura, é muito difícil controlar a internet. Cabe agora aos EUA, empurrarem o país para a democracia ou para um grande derramamento de sangue.

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

PROGRESSISTAS

PP anda atrás de novas filiações. Fez alguns convites. Está em busca de nomes fortes para o legislativo e para a majoritária.

AGRICULTURA

Vinicius Cornelli, Diretor da SMAP,está deixando o cargo. Vai para a ALRS, assessorar o deputado Altemir Torteli.

TROCA-TROCA

Pois é, os boatos esquentaram tanto, que Dulce foi fritada. Aproveitando a mexida, colocou Leonel Gonçalves na PGM, na troca que todos já haviam combinado. No entanto, sei de fonte segura, que novas pessoas estão sendo convidadas para integrar a administração municipal.

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

DULCE LOPES

Agora a tarde, esquentou e muito, o boato que a Secretária Dulce Lopes daria lugar a Ana Margarete na SMED.

PT PAGARÁ SALÁRIO A LULA

O PT decidiu pagar um salário mensal de R$ 13 mil ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que no próximo dia 10 receberá novamente o título simbólico de "presidente de honra" do partido. Segundo o "Painel" da Folha, editado interinamente por Ranier Bragon , o contracheque será equivalente ao do presidente de fato do PT, José Eduardo Dutra.

SARNEY, DE NOVO...

O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), já telefonou para líderes partidários anunciando a decisão de concorrer a reeleição. O líder do PT na Casa, Humberto Costa (PE), disse que Sarney terá respaldo da sigla.
Em novembro, o Palácio do Planalto já havia emitido orientação para que a bancada recém-eleita do PT apoiasse Sarney. A intenção era frear desde então qualquer clima beligerante com o PMDB.

...E POR AQUI?

...Por que o PMDB não ingressou com nenhuma ação contra Trojhan? Asssite calado, o partido se definhando, sem nenhuma manifestação formal. Ou não conhecem a lei?

DEM NÃO PERDERÁ KASSAB CALADO

Tratado como novo aliado pela presidente Dilma Rousseff, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, deverá enfrentar um batalha jurídica para manter o mandato se trocar o DEM pelo PMDB. Setores do DEM já admitem que vão pedir à Justiça a devolução do mandato caso o prefeito leve a ideia adiante. Alegam não existir nenhuma brecha que facilite a saída de Kassab na resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), de 2008, que trata da fidelidade partidária.

"O partido não vai assistir à saída injustificada da agremiação de forma impune", diz um dos líderes do partido. Para o grupo, é claro que haverá reação, até em nome da própria preservação. A legenda perdeu nas eleições do ano passado 9 de seus 52 deputados e 8 de seus 13 senadores - ficou com bancada na Câmara reduzida a 43 parlamentares e com apenas 5 integrantes no Senado.

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

DO BLOG DO KAYSER

SECRETARIA DO MEIO AMBIENTE

GG deu o start para a estruturação da secretaria. Dentre outras tarefas, ficara sob a responsabilidade dela, todo a política de gestão de residuos sólidos.

AÉCIO E AS APOSENTADORIAS PÚBLICAS

O Senador Aécio Neves(PSDB) disse que nunca requereu e nunca requererá, aposentadoria vitalícia, por ter sido governador.

No entanto, sempre defendeu a lei estadual que proíbe a divulgação dos nomes dos pensionistas e os valores percebidos.

KASSAB SE APROXIMA DE DILMA

Por Julio Dualib, no ESTADÂO

A iminente ida de Gilberto Kassab para o PMDB, partido da base governista, levou a presidente da República, Dilma Rousseff, a elogiar o prefeito paulistano e a destacar investimentos na capital, ao mesmo tempo em que criticou, de maneira indireta, o PSDB.

A presidente cumprimentou Kassab (DEM) "com muito carinho" e disse estar "honrada" com o convite feito por ele para participar nesta terça, 25, da cerimônia em comemoração ao 457.º aniversário de São Paulo, na sede da Prefeitura, na qual foi entregue a Medalha 25 de Janeiro ao ex-vice-presidente José Alencar, que luta contra um câncer há 13 anos.

Além de Dilma e Alencar, estavam com Kassab no palco montado na Prefeitura o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o governador paulista, Geraldo Alckmin (PSDB), e o vice-presidente, Michel Temer (PMDB), com quem o prefeito mantém conversas sobre a troca de partido. Ontem, os dois conversaram rapidamente na presença de Alckmin.

Sentados lado a lado, Kassab e Lula falaram bastante durante a cerimônia. O prefeito concedera a mesma medalha ao ex-presidente em 2010 - à ocasião, também fez a homenagem ao ex-governador José Serra (PSDB).

Tanto Dilma como Lula são entusiastas da ida de Kassab, que está na oposição, para o PMDB. Ambos avaliam que a troca de partido enfraqueceria o PSDB em São Paulo, principal bastião oposicionista no maior colégio eleitoral do País. Nas últimas cinco eleições, o PT não quebrou a hegemonia tucana no Estado.

Kassab pediu aos peemedebistas discrição nas negociações. Quer tonar pública a decisão apenas depois de 15 de março, quando ocorrerá convenção nacional do DEM para a escolha da nova direção. Caso não consiga emplacar a troca de comando no partido, Kassab terá um argumento forte para abandonar a legenda.

MARLON SANTOS

O suplente a deputado, Marlon Santos(PDT), mostra a sua força, quando consegue, com o auxilio de párte do PT, a nomeação de Carina Silva, para a 8ºCRS. Golpe de mestre.

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

GREMIO PERDE JONAS

A incompetência da antiga diretoria e o amadorismo dessa, que protelou a renovação do artilheiro, propiciou que o Grêmio perdesse o seu maior artilheiro. Parece que o ano começou muito ruim, para nós gremistas.

COLUNA DE SEGUNDA -FEIRA NO JP

ESCREVI E ASSINO EMBAIXO
Incrível como nós cachoeirenses somos obrigados a conviver com políticos que não entendem ou não compreendem o que é fazer política com seriedade. Primeiro, foi o suplente a deputado estadual, bancando o espertalhão e emparedando GG via jornal, tentando provocar uma audiência, para safar-se de uma possível condenação criminal. Depois GG, que infantilmente recusou publicamente receber um cidadão cachoeirense. Bastava aceitar, que ele não iria aparecer. E se aparecesse que o encaminhasse a um secretário, disposto a ouvir as suas contribuições. Se é que haveria alguma. Só conseguiram até agora, angariar mais antipatias. Cada vez mais convenço que eles nada mais são do que folclóricos, para não usar outro adjetivo. E eu, um perfeito idiota, porque como leitor e eleitor, sou obrigado a conviver com isso. Mesmo não querendo. Mas este é o preço alto da democracia....

CALÇADÃO
Será que entendi bem? Basta os empresários da rua sete quererem e o calçadão sairá? Mas de quem é a rua? De meia dúzia ou da comunidade? E o estatuto da cidade, não se aplica no presente caso? Sem audiência pública e debate, o calçadão pode virar uma pendenga judicial. Viramos de vez, uma sucupira de verdade.

UERGS
A terceira melhor universidade do estado recebeu um duro golpe na semana que passou. Foi informada que suas verbas serão diminuídas. Pergunto: e o Reitor que apostou todas as suas fichas, na vontade política do governo petista? Por aqui, na unidade, o silêncio dos ausentes. Com a palavra, o PT local. Ou será que só esse escriba irá se manifestar?

CAPS
Essa coluna, a do Armando e o JP em geral, muito lutou pela implantação do CAPS. E por isso, senti orgulho da matéria feita , salientando o excelente trabalho desenvolvido por lá. Vai agora um alerta. Como o local funciona nos dois turnos, à tarde o calor é senegalesco. Poderiam colocar para os usuários deste serviço, um ar-condicionado ou ao menos ventiladores de teto. Não é luxo. É necessidade, mesmo. Até porque as terapias de grupo, acontecem a tarde, e o número excessivo de pessoas aumenta ainda mais o calor no local.

PP
É dado como certa a candidatura de Pipa Germanos, para prefeito, nas próximas eleições. JOG já estaria convencido, que seu primo, pode sim, vencer o pleito, se vier a morar em Cachoeira novamente. É esperar para ver. Especula-se, nos bastidores, que Oscar Sartório seria o seu vice. Aguardemos.

PENSÃO PARA EX-GOVERNADORES
Claro que é um absurdo. Assim como a dos desembargadores, que entram pelo quinto constitucional e muitas vezes por lá trabalham cinco anos. Ou dos conselheiros do TCE. Ou dos Juizes e Promotores, afastados dos cargos. Ou dos Tribunais Superiores que rasgaram a Constituição e continuam recebendo a integralidade dos vencimentos. Acho que a medida deve atingir a todos. No entanto, falta coragem para debater e propor. Fica mais fácil, atingir apenas os políticos.


BR-116
Cuidado, porque a rodovia só está inteiramente duplicada, em solo gaúcho. Para o lado de SC, ainda tem muito chão para ser construído.

DILMA
Estou gostando muito do jeito de administrar de Dilma. Sem alardes. Sem manchetes. Age com sobriedade procurando acomodar as coisas e reinventando um novo jeito de colocar em prática tudo aquilo que Lula, de bom nos deixou. Por enquanto, tenho muito orgulho de nela ter votado.

O QUE NOS ESPERA?
Será que seremos obrigados, em 2012, a ouvir a cantilena populista de nossos políticos, de sempre? Ou algum fato novo irá surgir? O quadro que se avizinha é sombrio, e dos nomes postos, me arrisco a apostar em apenas um e dependendo de seus parceiros.

INTOLERÂNCIA
Serra nos deixou um péssimo legado: a intolerância. Quando usou o aborto, para atingir Dilma, o ex-governador propiciou a instalação de um clima de beligerância, que se acentua, em nosso país, dia a dia. Isso é péssimo. Misturar religião com política dá nisso. E a culpa, é nossa, da imprensa, quando criamos factóides sobre estes temas.

BBB
È um sucesso financeiro, de audiência e de tudo, no plano midiático. Mas é um péssimo exemplo de ética, de cidadania e de respeito ao princípio da dignidade humana e dos valores fundamentais. É o lixo do lixo.

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

FÉRIAS

Queridos leitores, notícia não tira férias. Mas como o blog é o editor, enfim...

Deixarei de postar por dez dias, dedicando-me a feitura de minha tese de doutorado, que está a me exigir uma quantidade muito grande de leituras.

Ficarei apenas com a coluna do JORNAL DO POVO, durante o período.

Voltamos dia 23 de Janeiro.

Até lá.

segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

ASSIS, O TRAÍRA

Na noite de sábado, o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, divertiu os convidados do casamento de Camilla Menezes ( filha de Mano Menezes) no Juvenil mostrando a quem quisesse ver as mensagens de Assis para que o Corinthians abrisse negociações para a contratação de Ronaldinho.

Neste domingo, emissários do jogador procuraram dirigentes do Grêmio para tentar reabrir as negociações.

Os dirigentes informaram que não estão mais interessados no jogador.

A história de Ronaldinho parece estar definitivamente encerrada.

COLUNA DO JORNAL DO POVO

Escrevi e assino embaixo

Os Assis Moreira demonstraram no processo que não possuem ética nem caráter. Não porque não vieram para o Grêmio, mas pela forma como conduziram a negociação. Robinho, por exemplo, quando retornou ao Brasil, sequer titubeou em jogar pelo Santos. Odone está certo: precisávamos de uma paixão. Como simples jogador de futebol, Ronaldinho sangraria os cofres gremistas. Agora, não adianta mais falar em profissionalismo. Metade do Rio Grande está com raiva. E isso que ele sofreu em Santa Catarina, no final de semana, continuará acontecendo por muitos anos. Mas não podíamos esperar outra coisa de uma família que na década de 80 já aprontava para o Grêmio. Agora não poderia ser diferente. Uma pena. Como ídolos deram um péssimo exemplo.

A$$is

Conseguiu com toda a sua falta de ética jogar a marca Ronaldinho de uma vez por todas na sarjeta. Quem serão os empresários que irão associar a sua marca com alguém que não cumpre com a palavra empenhada? Com tudo isso criou um slogan: mercenáR10.

Professores

Além de ganharmos muito mal, agora somos obrigados a passar alunos incompetentes. Mas também, em uma sociedade em que alguns semianalfabetos são deputados e ganham R$ 30 mil por mês, nos resta mesmo apanharmos na cara por continuarmos professores.

Eleições

Já disse aqui que não senti nenhuma melhora na qualidade de ensino pelo fato de termos eleições para diretor de escola. Há um certo compadrio e, em alguns casos, uma relação ambígua com a comunidade escolar. Acho que continuamos confundindo democracia com democratismo.

Julinho

O vereador se enrolou todo no processo de barganha de cargos no Legislativo. Mentiu descaradamente. Não resta nenhuma alternativa, nesse momento, que não seja o de abertura de processo por quebra de decoro parlamentar. Ou isso, ou todos são coniventes.

Horas-extras

Juro que não entendo porque alguns servidores são beneficiados com horas-extras e outros não. Na Obras, as mesmas estão liberadas em razão da pressão do secretário. No entanto, aqueles que cuidam das crianças ou da saúde da população não têm o mesmo direito. Por que será?

Cargos no governo

Por que o PT ocupará todos os cargos estaduais em Cachoeira do Sul? Não foi feita uma coligação? E o PDT continuará, contem-plativamente, assistindo nomes importantes serem vetados?

Notaram a mudança?

Imprensa terá que trabalhar e muito para fazer notícias sobre o jeito Dilma de governar. Avessa à verborragia, que caracterizava Lula, a presidente opta pela discrição. E internamente cobrou de todos os ministros metas para as suas pastas. A ordem é trabalhar. No gabinete, trocou o computador por um laptop e retirou o crucifixo da parede, assim como a Bíblia de cima da mesa.

Caso Battisti

Não vou entrar no mérito da extradição. Se deveria ou não acontecer. O que não pode, em um estado democrático de direito, é um ministro do STF, em atitude isolada, denegar a liberdade concedida por quem de direito. Você é favor? Um dia poderão usar isso contra você.

Reforma da Previdência

Assessor especial, Flávio Koutzi declarou essa semana que o maior desafio de Tarso será fazer a reforma da Previdência. Duvido que consigam mexer com os marajás do Judiciário, do MP e do TCE. Vai sobrar, por certo, para os professores, para os policiais...

Marlon

Neopedestista e suplente, o futuro deputado está com dificuldades até para indicar seus cargos no gabinete. O titular não quer abrir espaço. No PDT é assim: quem não chorou no enterro de Brizola, tem que entrar na fila. E ela é longa...

GEORREFERENCIAMENTO

Tenho recebido várias denúnicas sobre o contrato com aDueto. A maioria dos comentários são impublicáveis. O certo, no entanto, é que o serviço deixou muito a desejar. E ensejará, por certo, inúmeras demandas judiciais. Aguardem...

sábado, 8 de janeiro de 2011

DEPUTADO PROPARÁ MOÇÃO DE "PERSONA NON GRATA " A RONALDINHO

Como todo gremista, o Deputado Estadual Gilmar Sossella (PDT) não está nada feliz com o desfecho da novela envolvendo Ronaldinho e o seu tricolor. O descontentamento é tamanho que o parlamentar afirmou que irá protocolar, nesta segunda-feira (10) na Assembleia Legislativa do Estado, moção que torna o jogador persona non grata no Rio Grande do Sul.

Em seu site oficial, o deputado alega que "(...) esta é a segunda vez que o jogador trai o Clube", referindo-se a transferência do craque ao Paris Saint-Germain, da França, em 2001. Ele afirma que a medida é necessária para que tal situação não se repita.

– Uma pessoa de bem, um bom profissional como ele é, não poderia usar o sentimento, o apreço das pessoas, para valorizar o seu passe – disse.

Sossella disse ainda que o material para a moção está sendo redigido pela sua equipe e será protolocado na AL mesmo com o recesso de janeiro.

– Vou deixar tudo pronto para quando os trabalhos forem retomados em fevereiro. Se precisar, protocolo de novo. O importante é mostrar que aqui, no Rio Grande do Sul, a palavra ainda tem valor – argumentou.

GREMIO DESISTE DE RONALDINHO

ESTAMOS REPRODUZINDO O BLOG DO DAVID COIMBRA:

Acabo de falar por telefone com Assis.
Ele está impressionado com a repercussão do desenvolvimento do Caso Ronaldinho.
Ouviu a entrevista coletiva de Odone e Vicente Martins.
E garantiu que ainda não tomou nenhuma decisão.

A seguir, a reprodução de parte da conversa:

David Coimbra - Já está certo que Ronaldinho jogará no Flamengo?

Assis - Não tomamos decisão alguma. Hoje à tardinha vou falar com o Galliani. Só depois dessa conversa que posso dizer algo.

David Coimbra - Você sabe como o caso está repercutindo em Porto Alegre?

Assis - Sei, sim.

David Coimbra - E o que acha?

Assis - Nunca falei que esse negócio seria uma barbada. Infelizmente, tem o Milan na negociação. O Ronaldo é atleta do Milan, ele tem que cumprir o que o Milan determina.

David Coimbra - Você ouviu a entrevista do presidente do Grêmio?

Assis - Acompanhei a entrevista, acompanhei todas as perguntas que foram feitas, tudo. Acho que o presidente foi muito feliz nas suas colocações.

David Coimbra - Mas ele disse que você mudou o acordo…

Assis - Existe uma indenização devida ao Milan. O Milan está criando uma certa dificuldade. Nós estávamos acertados, mas o Milan entrou no negócio. O presidente falou que o Grêmio não queria dar indenização ao Milan e é isso mesmo. Entre nós estava tudo bem, mas, quando o Galliani veio ao Brasil, ele viu como estava a situação e endureceu. Foi por isso que a situação chegou nesse pé que está agora.

David Coimbra - Mas se estava tudo acertado, o que mudou?

Assis - Sabe o que aconteceu? Quando tudo estava na surdina, estava tudo bem. Tudo estava certo. Eu disse para todo mundo: vocês querem o Ronaldo no Rio Grande do Sul? Vai ser bom para todo mundo? Então precisamos manter tudo em sigilo. Não estou culpando a imprensa, nada disso. Você mesmo tinha todas as informações, sabia de tudo o que estava acontecendo. Aí tudo foi divulgado, os outros se alertaram, o Milan ficou sabendo das coisas e tudo mudou. Foi isso de colocar as notícias que atrapalhou.

David Coimbra - A divulgação do negócio fez surgir a concorrência e aí o Milan passou a exigir indenização, é isso?

Assis - É isso. O cara, o Galliani, estava aqui no Rio de Janeiro. Estava vendo tudo. Nós perdemos o timing, entende? Estava tudo certo para ele ser liberado. Mas o Milan ficou com medo da Inter de Milão. O Leonardo chegou lá e eles ficaram com medo do Ronaldo ir para a Inter. Então a liberação começou a se complicar.

David Coimbra - Vocês não temem a reação da torcida do Grêmio?

Assis - Eu estou apanhando há 10 anos, estou acostumado com isso.

David Coimbra - Existe alguma chance de o Ronaldinho se acertar com o Grêmio?

Assis - Nesse momento eu diria que não, mas sabe como é o futebol, futebol é paixão.

David Coimbra - Qual é a chance de acerto com o Flamengo?

Assis - O Flamengo não conversou conosco. Conversou diretamente com o Milan. O Ronaldo não tem acerto nenhum, nada.

David Coimbra - Quando vai ocorrer esse acerto?

Assis - Logo, espero. Eu preciso colocar o Ronaldo pra jogar. Nosso projeto é a Seleção Brasileira. Tenho essa responsabilidade, preciso vê-lo jogando logo.

ASSIS CONTINUA LEILOANDO RONALDINHO

Paulo Odone está irritado. Com Assis e a negociação.
"Está todo mundo proibido de anunciar qualquer porcaria antes da assinatura", disse.
Acrescentou que o Grêmio fez tudo o que podia.E não fará mais nada. Apenas aguardará a resposta de Assis.
O Grêmio não sabia da reunião de Assis com o Flamengo no Rio. Reunião que aconteceu na noite de sexta-feira. E que deixou os dirigentes do Flamengo muito otimistas.

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

NELSON JOBIM

O ministro da defesa, resolveu convidar o futuro ex-deputado federal, José Genoíno (PT), para ser seu assessor especial. Mas oa mesmo tempo, resolve achar que chegou a hora de colocar as guerrilhas nas comissões da verdade. Pelo visto, o santamariense, resolveu criar polêmica, nesse início de governo.

REI PELÉ CRITICA RONALDINHO

O rei Pelé também resolveu dar o seu pitaco na novela sobre o futuro de Ronaldinho Gaúcho. Nesta sexta-feira, após inaugurar o espaço do octacampeonato no Memorial de Conquistas do Santos, na Vila Belmiro, ele criticou o leilão que envolve o jogador. "Se ele realmente ama o Grêmio, deveria jogar de graça lá. Afinal, está com a vida feita."

REGULAÇÃO DA MÍDIA

O governo enterrou o projeto de regulação da mídia elaborado pelo ex-ministro Franklin Martins. Após encontro com a presidente Dilma Rousseff no Planalto, o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, disse em tom diplomático e político que há outras prioridades para serem tocadas, como o projeto de banda larga, que pretende apresentar até o final de abril. "A banda larga vai ter prioridade e premência porque vamos discutir também o plano geral de metas de universalização", afirmou.

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

RONALDINHO ANUNCIA HOJE A TARDE QUE VAI PARA O GRÊMIO

Na coletiva desta quinta-feira, no Copacabana Palace, Ronaldinho deve anunciar o acerto com o Milan. O compromisso do jogador com o clube italiano está encerrado.

Anunciará também que sexta-feira de manhã vai assinar contrato com o Grêmio. Os advogados já redigiram o contrato. Todos concordaram. Falta só assinar.

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

ODONE E A NOVELA RONALDINHO

Em entrevista coletiva, o presidente Paulo Odone, praticamente garantiu a contratação de Ronaldinho. O anúncio deve ocorrer no máximo, até sexta-feira, assim como a sua apresentação oficial. O imbróglio agora, é entre os advogados, do Grêmio e de Ronaldinho, que estão clausulando o contrato.

DILMA E OS DESAPARECIDOS

A presidente Dilma Rousseff repreendeu nesta terça-feira o general José Elito de Carvalho Siqueira, ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), por dizer em entrevista, na segunda-feira, que não é motivo de vergonha para o País o desaparecimento de presos políticos durante a ditadura militar (1964-1985). Foi o primeiro "puxão de orelha" de ministro do novo governo.

Escolhido para comandar os seguranças do governo, José Elito pediu desculpas a Dilma pela declaração polêmica, segundo fontes do Planalto. Ao longo do dia, ele já tinha recebido recados de assessores de que a presidente não tinha apreciado o comentário sobre as vítimas do regime militar. Ao ser recebido à noite pela presidente, ele chegou a jogar a culpa na imprensa, afirmando que sua declaração foi "mal interpretada". A presidente aceitou a desculpa.

NOVELA RONALDINHO

O presidente do Grêmio, Paulo Odone, deve chegar às 15h a Porto Alegre e falar à imprensa na tarde desta quarta-feira, no Estádio Olímpico, de acordo com o vice do conselho de administração do clube, Eduardo Antonini. O anúncio oficial do retorno de Ronaldinho depende das últimas definições do contrato, alinhavado ao longo do dia de terça pela direção tricolor.Inclusive Renato, teria antecipado a sua volta, para participar do anúncio.

O jornal italiano Gazzetta dello Sport anunciou, ainda na tarde de terça, que o craque já estaria acertado com o Grêmio. Logo depois, a direção tricolor negou a informação, mas manteve o otimismo quanto ao acerto.

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

AOD CUNHA

Embora com convites para assumir cargos em Brasília, Aod Cunha acertou com o Internacional. Será o primeiro CEO do futebol brasileiro.

POSSE DE MARIA DO ROSÁRIO

Maria do Rosário fez um apelo para que o Congresso analise outra proposta polêmica, encaminhada pelo governo Lula. Pediu que os congressistas aprovem a criação da Comissão da Verdade, que ofereceria a versão oficial sobre os mortos e desaparecidos.

"O Estado brasileiro tem que resgatar sua dignidade em relação aos mortos e desaparecidos na ditadura", afirmou. "Como disse a presidente Dilma, não se trata de revanchismo", completou, mais adiante.

Diante da plateia em que estava o ministro Nelson Jobim (Defesa), ela afirmou que as Forças Armadas são "parte da consolidação da democracia". "Certamente entre as Forças Armadas existe também o desejo de que tenhamos juntos esse processo constituído", disse.

Em seu discurso de cerca de 40 minutos, ela prometeu cumprir as metas do PNDH 3 (Plano Nacional dos Direitos Humanos), que provocou polêmica entre setores da Igreja e das Forças Armadas.

CRISE TUCANA

O governador Geraldo Alckmin auditará todos os contratos de terceirização de serviços herdados da gestão de José Serra (PSDB). Os alckmistas dizem que não é revanche, mas a determinação de Alckmin repete pacote anunciado por Serra em 2007 que abriu crise entre "serristas" e "alckmistas".

CRISE COM O PMDB

Na iminência da primeira crise política de seu governo, a presidente Dilma Rousseff agiu rápido para tentar conter a revolta do PMDB por conta da disputa com o PT pelos cargos importantes do segundo escalão do governo federal. Na reunião da coordenação política ontem no Palácio do Planalto, com os novos ministros, Dilma decidiu suspender a definição de cargos do segundo escalão até a eleição das presidências da Câmara e do Senado, em fevereiro.

A presidente também acionou o presidente do Senado, José Sarney (AP), para tentar conter a rebelião no partido aliado. O temor da presidente é que a disputa partidária contamine votações relevantes no Congresso e, sobretudo, crie um clima de revanche nas definições dos comandos no Congresso.

A revolta do PMDB é tão grande que ontem o partido boicotou as cerimônias de transmissão de cargo dos ministros petistas Alexandre Padilha (Saúde), Luiz Sérgio (Relações Institucionais) e Fernando Pimentel (Desenvolvimento, Indústria e Comércio).

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

TORCIDA PEGA NO PÉ DE ASSIS

Indignados com o "leilão" que está sendo promovido pelo empresário Roberto Assis Moreira pelo passe do seu irmão Ronaldinho Gaúcho, internautas fizeram do irmão do jogador o alvo preferencial de piadas no Twitter. Os usuários da ferramenta encerram cada frase com a hashtag #assisfacts. Alguns #AssisFacts. Há mais na capa do site do CP.

# Assis pode ser o novo crítico gastronômico de O Globo. Almoçou em metade dos restaurantes do Rio na última semana. #AssisFacts about 2 hours ago via web

# Assis se negou a participar do esquema do Mensalão. Exigia diário. #AssisFacts about 2 hours ago via web

# Assis encontrou Tio Patinhas e o pato bateu continência. Empresário é visto ainda com frequência na mansão Burns em Springfield. #AssisFacts

# Assis cobrou multa rescisória da ex-namorada, ao término do relacionamento

# "O brinquedo preferido de Assis quando criança eram as notas falsas do banco imobiliário"

# Médicos pediram se Assis vai doar seus órgãos quando morrer. Assis apresentou um pré-contrato e só vai doar com multa rescisória

CASO RONALDINHO

Do twitter de Adalberto Preis, presidente da Grêmio Empreendimentos, para Cesar Dias, assessor de futebol do Grêmio.
@cesarcdias Sucesso nos arremates finais! Estamos torcendo. Grande abraço!
Preis é muitíssimo bem informado.
Pelo twitter, sugere que a negociação do Grêmio com Ronaldinho está nos finalmentes.

JULINHO DO MERCADO

Está cada vez mais complicada a estória do vereador, que indicou parente de sua namorada, para assumir cargo no legislativo.

Encarado com normalidade pelos vereadores, as indicações, por certo que a população, a cada dia que passa, fica cada vez mais perplexa com as negociatas.

COLUNA DE SEGUNDA DO JORNAL DO POVO

ESCREVI E ASSINO EMBAIXO
Não sei vocês, mas me emocionei assistindo a posse de Dilma. Ali havia dois simbolismos importantes para a nossa jovem democracia. O primeiro e que reputo mais importante, foi o fato de termos, pela primeira vez, uma mulher assumindo o comando do executivo federal. Mulheres que ainda sofrem discriminações e agressões em pleno século XXI, tendo sido necessário, recentemente, a criação de uma lei chamada Maria da Penha, para protegê-las. O segundo, foi o fato de uma ex-guerrilheira e presa política estar tomando posse, sem nenhuma tentativa golpista de impedi-la. O momento que ela passa em revista as tropas é sublime, e retrata por certo, que estamos amadurecendo politicamente, não podendo esquecer, que a partir de ontem, é uma mulher, a chefe suprema das forças armadas, que um dia, a perseguiu.

LULA
O maior presidente de toda a história brasileira deixa-nos um legado político, social e econômico que deverá ser objeto de muitos estudos. Por certo, o seu sucesso, esteve sempre ligado ao fato de gostar e muito de ter sido presidente. E a cena dele, indo ao encontro dos populares, chorando, retrata esse sentimento, que é recíproco.

O GOVERNO DILMA
Sei que será discreto, na acepção própria da palavra. Será também, uma tentativa, de imprimir um modelo de gestão mais eficiente na administração pública. Será bom? Não sei. Dependerá de seu trato com os políticos. Mas torcerei, antes de tudo, que seja ético.

TARSO
Nosso governador é um homem preparado. Um intelectual com uma sólida formação. Criado e formado dentro das tradições marxistas, aprendeu com o tempo, que um bom governo precisa ser flexível e fazer concessões. Deixou isso claro em seu discurso. Veremos, agora, a práxis.

A CASA PRETA
Tomara que seja o primeiro e último factóide do suplente a deputado estadual. Não precisa de uma casa antiecológica para aparecer. Para ser um bom deputado para cachoeira, basta que fique focado. E por favor, que não declare mais publicamente, que estará em POA de terça à quinta. Não pega bem, para quem ganhará mais de vinte mil por mês. Já não é mais guri, para ficar dizendo o que não deve.

UNIMED E PREFEITURA
Muito perigoso para GG, o fim do contrato de prestação de serviços que a UNIMED realiza para o município. Ter que colocar empresas de fora, para fazer um serviço essencial como o saúde, é perigoso e já não deu certo por aqui. Ainda mais se for à empresa que anda sendo ventilada. Pode estar dando início à terceira guerra mundial.

PARABÉNS AO GG
Pagar em dias as contas do HCB faz muito bem a saúde de todos nós. E o seu ato de quitar uma dívida histórica, que não era de seu governo, e que tínhamos com nosso hospital, deve sim ser mencionado e aplaudido.





MICHEL TEMER
Nosso vice-presidente, apelidado, carinhosamente pela oposição, de manequim de funerária, estava radiante e feliz na posse. Mas quem chamou a atenção de todos, foi a sua belíssima esposa, Marcela, 43 anos mais jovem do que ele. Aliás, iniciaram pela internet uma campanha: vai pra casa Temer...

EDUCAÇÃO
É grande a crise no setor educacional cachoeirense. E os índices ruins no IDEB, pioraram ainda mais as coisas. Perseguições políticas e descomprometimento de servidores com FG, são uma constante na secretaria. Abre o olho, GG.

SARTÓRIO
A vitória de Vasconcelos para presidência da câmara, não foi só um ato de oposição a GG, mas também como uma tentativa de retirar de Oscar Sartório, qualquer possibilidade de emplacar o seu sucessor. Há sim, uma ponta de ciúmes pela forma como conduziu a sua austera gestão, que acabou sendo coroada, com a devolução de um milhão de reais para a prefeitura.

YEDA
Em seu discurso de despedida, a ex-governadora, foi infeliz ao dizer que naquele palácio, o Piratini, morou Bento Gonçalves. Aliás, muitos dos presentes, me fizeram ver que errou no tom da sua fala, que mais parecia a de uma síndica de prédio, valorizando excessivamente as reformas do palácio, do que de uma gestora, que até prova em contrário, foi eficiente na condução de nosso executivo. Menos mal que todos aplaudimos, reconhecendo a importância da liturgia do ato e provando a cada dia, que estamos mais maduros, politicamente.

domingo, 2 de janeiro de 2011

TARSO PENSA EM CONVOCAR A ALRS

governador Tarso Genro sugeriu ao presidente da Assembleia Legislativa, Giovani Cherini (PDT), a convocação extraordinária dos deputados estaduais durante o recesso parlamentar. O objetivo é aprovar projeto que propõe aumento dos salários das coordenadorias do Poder Executivo, que podem chegar a R$ 4,5 mil - atualmente, os vencimentos ficam em torno de R$ 1,5 mil e R$ 1,8 mil. Nesta segunda-feira, o secretário da Casa Civil, Carlos Pestana, já procura os líderes de bancadas no Parlamento para viabilizar a votação ainda na primeira quinzena.

Na manhã deste domingo, Tarso Genro despachou no Palácio Piratini após acompanhar a posse da presidente Dilma Rousseff, em Brasília. O petista reservou a tarde para descansar com a família.

Já o vice-governador Beto Grill disse encarar com naturalidade as insatisfações de seu partido, o PSB, manifestadas de forma pública e envolvendo a composição do governo. De acordo com ele, as situações do desconforto já foram acomodadas internamente, mas podem ressurgir a qualquer momento, caracterizando a própria prática da política, "que nem sempre agrada a todos".

Beto Grill descartou receber uma herança do vice-governador Paulo Feijó de conflitos com o comando do Executivo e destacou que nenhuma divergência partidária supera a necessidade de harmonia no governo do Estado.

RONALDINHO

O torcedor gremista que já está cansado da novela envolvendo a possível volta de Ronaldinho Gaúcho para o estádio Olímpico terá que ter um pouco mais de paciência. Ainda que tenha sido liberado pelo Milan para negociar com outro clube, o meia e seu irmão, Roberto Assis Moreira, não parecem estar muito dispostos a facilitar a vida dos dirigentes gremistas. Além do Grêmio, Flamengo e Palmeiras brigam para ter o craque em seu plantel em 2011.

Ronaldinho está no Rio de Janeiro desde o último sábado. A presença do meia na capital Fluminense aumenta as especulações de que ele estaria acertando a sua transferência para o Flamengo, que teria oferecido uma proposta financeira superior ao Grêmio. Conforme o site Globoespoerte.com, na última semana, Ronaldinho teria ligado para o atacante Adriano perguntando como era jogar no rubro-negro carioca. Neste domingo, os dois ex-jogadores da Seleção Brasileira se reuniram para almoçar no Rio de Janeiro.

Também neste domingo, Assis teria se reunido com um representante do Palmeiras em uma churrascaria na Barra da Tijuca, zona Oeste do Rio. O clube paulista estaria estudando a possibilidade de ter o meia em seu plantel desde julho do ano passado e já teria, inclusive, um estudo de ações de marketing que viabilizariam a contratação do jogador.

Em entrevista s rádios do RS, o vice de futebol Tricolor, Antônio Vicente Martins, disse estar otimista em relação a contratação de Ronaldinho: "Vai dar tudo certo. O negócio está andando. É uma transação complexa e confiamos em Assis".

Bem, esta é a última chance de Ronaldinho se redimir com a torcida gremista. Se não acertar com o Grêmio, suas vindas a POA e ao RS, sempre serão acompanhadas de protesto.

MICHEL TEMER


Já iniciou-se uma campanha: vai para a casa Temer. Ironizando a beleza de sua mulher.

sábado, 1 de janeiro de 2011

LULA E O POVO


Nunca antes na história brasileira, um presidente gostou tanto do cargo. E nunca antes, o povo gostou tanto de um presidente. Essa simbiose se refletiu hoje, quando Lula, literalmente foi ao encontro da massa e com os olhos marejados, cumprimentou os populares.

O MINISTÉRIO DE DILMA


Os novos assessores da presidenta, são discretos. Não há ali nenhuma personalidade de "popstar". Parece que esse será o tom de seu governo. Dicreto e eficiente. Terá em José Dirceu, o homem invisível e poderoso. E em Antonio Palocci, seu fiel escudeiro.

DILMA PRESIDENTE


Emocionante. Foi essa a tônica da posse da presidenta Dilma Roussef. Com um discurso instigando o desenvolvimento e aprofundamento das políticas de Lula, a presidenta não esqueceu de relembrar sua rajetória política e sua condição de mulher.

Embargou a voz algumas vezes e chorou outras duas. Emocionando a todos os presentes e a todos aqueles que assitiram a solenidade.

TARSO DA POSSE AOS SECRETÁRIOS

O governador Tarso Genro empossou todos os secretários de seu governo, que serão ao todo, trinta. Após, o governador viaja para Brasília para acompanhar a posse de Dilma.

A DESPEDIDA DA EX-GOVERNADORA

Nesse momento Tarso acompanha Yeda até a porta do palácio. Muitas pessoas aplaudem a ex-governadora, que se despede de seus colaboradores.

DISCURSO DE TARSO, AGORA COMO GOVERNADOR

Agradece a Yeda, sua disposição para colaboração. Desejou sorte, paz e felicidade no merecido descanso que ela terá. Saudou os companheiros e disse que a vitória de um projeto político implica em responsabilidades pesentes e futuras. Disse que não é um vencedor solitário, mas apenas um integrante de uma rede. Saudou Olívio Dutra e Alceu Collares, ex-governadores do estado, fazendo referência especial ao seu companheiro de partido.

Lembra três grandes homens como exemplos e pilares para reflexão do estado que pretende construir: Érico Veríssimo, Raimundo Faoro e Nelson Mandella.

Encerra seu discurso preconizando que se inspirará nessas três grandes personalidades para fazer um governo de esquerda, moderno e um governador de todos os gaúchos.

Conclamou a imprensa para que fiscalize o governo e que é dela que surge a transparência.

YEDA TRANSMITE O CARGO PARA TARSO GENRO

Nesse momento, tocam os clarins da vitória, pela orquestra da BM. Yeda em seu pronuncimaneto de despedida, agradecendo a todos os seus colaboradores. Citou a reforma do palácio e agora faz um balanço de seus quatro anos. A ex-governadora foi a primeira mulher a assumir o governo do estado. Em seu discurso, Yeda cita Maquiavel, para justificar um governo que ela autodenomina, reformador. Fez uma crítica a intolerância, em razão da oposição violenta que sofreu em eu mandato. Disse que optou por um governo de gestão, entregando um estado bem melhor do que recebeu. Desejou sucesso a Tarso, e colocou-se a disposição para ajudá-lo, recebendo uma salva de palmas.

TARSO CHEGA AO PALÁCIO

Depois de 12 anos, Tarso leva o PT, de novo, para o palácio piratini. Yeda, simpática e elegante, recepciona o novo governador. O salão está belíssimo, mas continua quente embora já climatizado.

A solenidade está dentro do cronograma, pois Tarso deve embarcar para Brasília.

DISCURSO DE TARSO

Intelectual renomado, Tarso optou pelo discurso de improviso. No âmago, propõe um pacto entre poderes, no sentido de se fazer algumas reformas no estado.

TARSO TOMA POSE NA ASSEMBLÉIA


Pouco antes das 9h deste sábado, o governador eleito do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, leu o termo constitucional e assinou o documento de posse para o cargo máximo do Poder Executivo estadual pelos próximos quatro anos. Em seguida, o vice Beto Grill fez o mesmo, durante cerimônia que ocorre no plenário da Assembleia Legislativa, na Praça da Matriz, em Porto Alegre.

Em seu discurso, o presidente da Casa, deputado Giovani Cherini (PDT), elogiou o aspecto conciliador da candidatura de Tarso nas últimas eleições. “Sinto sinceramente que o governador governará para todos. Quem acompanhou ele nas eleições viu um político diferente”, afirmou.

Tarso chegou à Assembleia por volta das 8h15min. Cherini iniciou o protocolo cumprimentando Tarso, Grill, senadores e deputados eleitos, além de prefeitos, vereadores, autoridades militares, religiosas e entidades de classe. Em seguida, houve a execução do Hino Nacional.