jmahfus@hotmail.com

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Eleição da Câmara de Vereadores de Cachoeira: o voto polêmico de Mariana Carlos


A discussão raivosa produzida pelos vereadores, na sessão de ontem, cobrando uma dita "coerência"da vereadora Mariana Carlos (PT), me assustou, mas ao mesmo tempo reforçou ainda mais a minha tese de que precisamos aumentar a representatividade.

O legislativo municipal se tornou um clubinho, onde os cargos são rateados e os poderes diluídos entre os seus ocupantes. Vereadores experientes passaram três anos tripudiando a vereadora, até se prevalecendo das experiências anteriores, contra a educação de uma jovem, que prioriza não a sua cadeira, mas a política de seu mandato.

Escrevo isso com toda a tranquilidade do mundo, até porque não votei nela e sei que ela também em mim não votou. Mas reconheço na vereadora, uma capacidade ímpar de fazer uma política voltada aos interesses coletivos.

O PT votar no PP não é nenhuma novidade. Estão aliados no planalto. Em Canoas, o PP é vice de Jairo Jorge do PT. Acho que pior seria, para ela vereadora, correr o risco de votar no PMDB e o PSDB assumir a presidência.

Por derradeiro, acho que não haverá repercussão alguma para as eleições majoritárias. GG terá um ano mais tranquilo e os demais candidatos a prefeito deverão dizer a população porque se apresentam. O resto são puras ilações por interesses contrariados

Nenhum comentário: