jmahfus@hotmail.com

quarta-feira, 6 de maio de 2009

BANRISUL

Parece praga. Estou aqui em Vacaria e presenciei uma cena inusitada: duas senhoras grávidas, impedidas de passar na porta eletrônica de um banco. Retiraram tudo das bolsas, cinto, celular e chaves. Não conseguiram. Minha esposa, médica conceituada e conhecidíssima na cidade, passou pelo mesmo constrangimento na agência centro do BANRISUL em Cachoeira do Sul. Mas lá foi pior: foi impedida de entrar pelo vigilante. Pode, um banco não permitir o ingresso do cliente na agência? Se é que não sabem, gerar constrangimento indevido implica em dano moral.

Nenhum comentário: