jmahfus@hotmail.com

terça-feira, 13 de março de 2012

Obscurantismo e falso moralismo vetam o nome de Adão Iturrusgarai para Patrono da Feira


Texto original de Patricia Loss no Jornal do Povo

A inédita iniciativa comunitária que indicou o cartunista cachoeirense Adão Iturrusgarai, o Adãozinho, para patrono da Feira Municipal do Livro 2012 não o garante como homenageado principal do evento.

O principal motivo é a obra polêmica do candidato a patrono. Hoje morando em São Paulo (SP), ele aborda a sexualidade de forma explícita e sua personagem de destaque, Aline, é uma moça que namora dois rapazes, Otto e Pedro. Os três dividem a mesma cama.

A diretora do Núcleo Municipal de Cultura, Mirian Ritzel, destaca que o abaixo-assinado com 233 adesões indicando Adãozinho para patrono da feira vai ser considerado, mas que outros candidatos serão propostos.

Para Mirian, Adão Iturrusgarai não é o patrono ideal. "Sexo é um tema que sempre causa temor, pois não pode cair na obscenidade", comenta. Ela observa que as escolas municipais costumam trabalhar a obra do patrono em sala de aula e que os temas abordados por Adão são impróprios para crianças.

Mesmo contrária à indicação de Adãozinho para patrono da Feira Municipal do Livro, Mirian garante que o movimento comunitário que defende a homenagem ao cachoeirense em sua terra natal não passará em branco. "Vamos promover uma mesa redonda para discutir a obra do cartunista com psicólogos, pedagogos e professores", antecipa Mirian. Ela deixa claro que ainda há chance de Adão Iturrusgarai ser patrono. "A decisão será de um conjunto", acrescenta.

A reunião para escolha do patrono da Feira Municipal do Livro 2012 ainda não está marcada, mas deve ocorrer até o final de maio. Quem escolhe o homenageado é um grupo formado por integrantes da Biblioteca Pública Municipal, do Núcleo Municipal da Cultura e da Associação dos Amigos da Cultura (Amicus).
O Conselho Municipal da Cultura, criado no ano passado, será convidado a participar das discussões em 2012. Apesar de avaliar mais de uma indicação, a decisão do grupo sempre acaba sendo de consenso.

Nenhum comentário: