jmahfus@hotmail.com

segunda-feira, 12 de julho de 2010

COLUNA JP DE HOJE

Tento sempre ver o lado positivo das coisas. E me esforço para elogiar GG, juro. E quando o critico, procuro sempre não desqualificá-lo até para que a minha crítica possa ajudá-lo. Mas fica a cada dia mais difícil. E nem quero discutir as denúncias que pipocam. Quando se elegeu prometeu acabar com uma possível farra dos CCs e RPAs. Pelo que acompanho, a cada dia novas pessoas são contratadas e os concursados aguardando. As secretarias municipais multiplicam-se ao sabor dos ventos. Eram seis, passaram para sete, foram para oito, serão nove e no ano que vem 10. Quem estava errado? O GG de antes ou de agora? E os secretários mais fiéis são jogados aos leões, quando percebem que seu poder passa a ser fatiado. Não sei onde isso vai parar. Mas começo a ficar preocupado. Já se ouve o burburinho de uma CPI. E parece que todas as fichas estão no contrato com a Corsan. Se der errado, o governo termina sem ter começado.

Irã, áfrica e as mulheres
Um absurdo que em pleno século XXI mulheres ainda sofram as agruras de uma sociedade machista e preconceituosa. Na África temos os casos de mutilação das mulheres. E agora no Irã uma mulher que foi condenada a 99 chibatadas, por possível adultério, foi condenada à morte por apedrejamento.

Caso Bruno e a pena de morte
Os assassinatos envolvendo amantes fazem parte de nossa história. O que não se concebe, no presente caso, é que além do homicídio, tivemos a tortura e a barbárie presentes. Poderíamos elencar várias razões para explicar o fato. Encontro só uma: estamos diante de psicopatas e se provada a culpa, um caso paradigmático para voltarmos a discutir a pena de morte.

Eleições no RS
As pesquisas demonstram que apenas Tarso e Yeda se beneficiaram da retirada das candidaturas de Beto e Lara. Fogaça não deslanchou. Com o nível de mobilização no ninho tucano, aliado a sua organização, não é temeroso dizer que Yeda pode acabar disputando o segundo turno com Tarso. Fogaça ainda não encontrou o seu espaço.

Corsan
Estou curioso para saber qual será a posição do MP, em Cachoeira do Sul, no caso Corsan. Na ação anulatória, a promotoria foi clara em exigir licitação para o serviço. GG está em um beco sem saída e precisa apostar tudo nessa reunião. Vou dar mais uma vez uma solução: aditamento. E mais um detalhe: em 149 municípios os contratos foram “renovados” com dispensa de licitação. E pelo que sei o MP silenciou. Será só aqui?

Quiosques
Há um forte boato circulando nos meios jurídicos acerca de nova ação a ser intentada contra GG em relação, agora, à ocupação dos quiosques da Praça José Bonifácio, que ao que parece não sofreram licitação. O colega Giuliano Fernandes, ex-Smic, deve lembrar-se de reunião com o MP, quando foi avisado que se pretendesse remover os Dogs da praça e ocupar os quiosques sem licitação, o prefeito responderia criminalmente

PMDB
É impressionante a falta de apoio de GG em seu próprio partido no RS. Como converso com todos os segmentos políticos, também converso com peemedebistas. Aliás, é consenso em afirmarem que os eleitos aqui na região (Cachoeira, Cabrais e Paraíso) são uma grande decepção. Quanto ao nosso prefeito, torcem e muito que não dispute a reeleição e abra espaço a Luciano Figueiró.

Marlon
Teremos com esta eleição duas certezas, por certo. A primeira é que se o Governo GG é mesmo ruim como se diz, Marlon será o caudatário dessa indignação e desses votos, até porque muitos que nele não votaram o farão, por arrependimento, embora seja outra eleição. A segunda é que, se não for eleito e fizer mais de 10 mil votos, é franco favorito para 2012. Vamos aguardar.

Nenhum comentário: