jmahfus@hotmail.com

domingo, 10 de janeiro de 2010

POLÊMICA EM BRASÍLIA

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Cezar Britto, telefonou para o secretário nacional de Direitos Humanos, ministro Paulo Vannuchi, para apoiar a ideia de punir torturadores que atuaram na ditadura militar, uma proposta expressa do polêmico Programa Nacional de Direitos Humanos . Defendeu ainda, a demissão de Nelson Jobim e dos Ministros Militares.

Nenhum comentário: