jmahfus@hotmail.com

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

COLUNA DO JORNAL DO POVO

FRASE DA SEMANA“O primeiro método para estimar a inteligência de um governante é olhar para os homens que tem à sua volta." Nicolai Machiavelli, em O Príncipe.

E O PP?
Já faz algum tempo que integrantes do partido tentam uma aproximação maior com GG. Sofrendo com a oposição na Câmara, o Prefeito, em alguns momentos, sente-se tentado em trazer o partido para a sua base.

A CONTA QUE GG DEVE FAZER
1) Está enganado o Prefeito, pensando que o ingresso do PP tranqüilizaria a sua relação com a Câmara. Não é verdade. A ida do partido de Pipa para a base, implica na saída de Oscar Sartório. São inimigos. Obrigatoriamente, o PT, que tradicionalmente é contra os Germanos, abandonaria o barco. E o pior de tudo: Luciano Figueiró, adversário histórico daquele grupo, sentir-se-ia ainda mais a vontade para fazer oposição.
2) Fica então a oposição escalada com: Oscar, Balardin, Valdocir, Cleber, Luciano e Neiron. Na situação, ficariam: Marcelo, Julinho, Acélio e Vasconcelos. Portanto, se o quadro é realmente esse, trazer os progressistas para o governo deixa de ser um bom negócio.

ALTERNATIVA
Entendo que esta idéia de ter maioria na Câmara é relativa. Ninguém vota contra a cidade. Mas se a intenção realmente é essa, poderia GG puxar Oscar Sartório para o secretariado e abrir uma vaga para Paixão na Câmara. DEM e PMDB estarão juntos na eleição estadual e com isso, as relações entre ambos ficarão muito mais amistosas. Com isso, o executivo teria uma maioria circunstancial, sem a necessidade de distribuir cargos.

JOSÉ OTÁVIO
Nunca precisou que o PP ocupasse cargo no município, para ajudar a cidade. Só não fez mais no governo passado, porque Marlon nunca pediu. Abriu e abrirá as portas de seu gabinete em Brasília, para Cachoeira. Está muito acima das questiúnculas partidárias locais. Além disso, quer ser um candidato suprapartidário.

TEORIA DA CONSPIRAÇÃO
Pesa ainda contra o PP, a tese de que Pipa, nada mais foi do que um candidato com uma única missão: derrotar Marlon Santos. A aproximação entre os dois partidos, reforçaria esta tese e faria com que o JOG perdesse todos os possíveis votos dos eleitores do ex-prefeito. Portanto, não lhe serve.

FUTEBOL
Altuori não seria criticado por ninguém se fizesse qualquer modificação, desde que o Grêmio jogasse fora. Em casa, estávamos goleando. Tinha que manter o time. Errou. Já Dunga, classificou o Brasil. Muitos pediram a cabeça dele. Inclusive eu. Erramos feio.

FAIXA ESPECIAL
• Não existe maior absurdo ético do que Lula pretender indicar seu advogado para Ministro da Suprema Corte.
• Acélio tem razão. Os cargos são políticos. Mas José Dilmo e Ortiz estão certos em alertar o Prefeito e opinar pela diminuição dos cargos políticos.
• GG ainda tem a mais forte de todas as coligações: com o povo. Portanto, pode se dar o luxo de cortar CCs, FGs e ignorar propostas indecentes.
• Alertado aqui e há muito tempo: PP se jogou nos braços de Yeda.
• O GRANDE DEBATE (1520 Kw) de amanhã, terá como tema, a crise do governo Ghignatti. Corte de CCs, reorganização de sua base, dentre outros temas.

ESCREVI E ASSINO EMBAIXO
Semana passada me atrevi a fazer uma breve análise sobre a candidatura de Dilma. Deixei para esta uma análise do quadro de candidatos. Pois bem. Vamos fazer de conta que é possivel dividir entre direita e esquerda. À direita teremos Serra. À esquerda teremos Dilma, Ciro e Marina. Mais alguns pequeninos. Ora, Lula demonstra acerto em dividir o seu espectro, para que Serra não tenha nenhuma chance de ganhar no primeiro turno. Com quem Serra irá compor no segundo? Marina nessa semana foi clara em rechaçar qualquer aproximação com os tucanos. Ciro é Lula. Dilma, idem. Portanto, não se enganem com as pesquisas, pois elas ainda comparam Dilma com Lula.

Nenhum comentário: