jmahfus@hotmail.com

domingo, 12 de abril de 2009

FILANTROPIA

Vai longe essa novela da MP das Filantrópicas. A juíza Isa Tânia Cantão, da 13ª Vara Federal, em Brasília, suspendeu a anistia de mais de sete mil entidades filantrópicas. Todas as beneficiadas com a medida, que estão sob investigação ou aguardavam renovação dos certificados, terão o valor das isenções conseguidas inscritas na dívida do INSS pela Receita Federal. A juíza não poupou críticas à MP. Entre outras afirmações duras, disse que a MP era como passar um cheque em branco para as instituições com problemas. Problemas a mais para a ULBRA.

Nenhum comentário: