jmahfus@hotmail.com

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

PÁTRIA E CORRUPÇÃO

Tenho muito medo do discurso reducionista de faxina, limpeza. Me lembra o nazismo. Quando se ataca sistematicamente a corrupção, percebo que no fundo, a um ataque direto a democracia. Daquele tipo saudosista, tentando passar uma idéia, que antigamente, não havia roubalheiras e nem politicagens.As redes sociais, hoje, são a grande ferramenta de disseminação das informações.

Os tempos mudaram, por isso percebemos com maior transparência essas vicissitudes. Na verdade a corrupção sempre existiu. E continuará a existir,enquanto os agentes políticos estiverem a serviço dos interesses privados.

Está na hora de modificarmos algumas coisas. Um novo sistema político, com voto em lista e financiamento público de campanha fará com que os partidos políticos tenham mais força, assim como o controle social sobre eles.

Mas não nos esqueçamos que o Brasil, do Império até hoje, foi consolidado através de consensos, onde as elites sempre foram as protagonistas e mantiveram-se, no poder, defendo sim, os interesses privados que elas representam, em sua individualidade.

Nenhum comentário: