jmahfus@hotmail.com

terça-feira, 7 de outubro de 2008

MANUELA, A DECEPÇÃO

Tinha tudo para ser um fenômeno nas eleições municipais em POA. No entanto, sua produtora transformou-a em uma "popstar". Saía as ruas para dar autógrafos para crianças e adolecentes. Se esqueceu que criança não vota. E o que parecia a Manuela sentadinha, nas inserções, falando com as mãozinhas presas? E a maquiagem? Ficou artificial demais. O eleitor porto-alegrense é muito "politizado" e não deu outra: Fogaça e Maria do Rosário. Agora é zero a zero.

Nenhum comentário: